Início do Conteúdo

Promovido pela Federação das Entidades Empresariais do Rio Grande do Sul (Federasul), o encontro Tá na Mesa, dia 7 de agosto, discutiu o futuro do setor da saúde com os presidentes dos principais hospitais do Estado. A diretora-presidente do Hospital de Clínicas, professora Nadine Clausell, valorizou o comprometimento com resultados, gestão responsável, formação qualificada e o cuidado centrado no paciente.

whatsapp image 2019 08 07 at 17.09.57

Conforme a diretora-presidente, é importante pensar no valor percebido pelo paciente. Ela ressaltou que os modelos de sustentabilidade estão mudando, sendo necessário agir de maneira criativa e original, buscando novas fontes de recursos. Sobre o futuro da saúde, Nadine ponderou que o ideal é estabelecer um sistema que valorize mais a manutenção da saúde para precisar menos dos hospitais. “Temos desafios e coisas boas pela frente. Precisamos pensar diferente, fora da caixa, nos sustentar de maneira moderna e enxuta. Deixar as pessoas mais saudáveis e felizes. Deixar o hospital por último. Se precisar, o Clínicas, e os outros estarão lá”, afirmou.

A presidente da Federasul, Simone Leite, ressaltou que a reunião com os gestores hospitalares representava um encontro histórico para a instituição. O Tá na Mesa contou também com as participações de Fabio Fraga, do Hospital Mãe de Deus; Julio Matos, do Hospital Santa Casa; Mohamed Parrini, do Hospital Moinhos de Vento e Saulo Bornhorst, do Hospital São Lucas da PUCRS.